Os Novos Termos e Expressões da Hotelaria e Turismo

O mundo mudou bastante nos últimos tempos, por motivos que sabemos bem. Inclusive novas palavras se incorporaram ao nosso vocabulário diário e até novas expressões apareceram, como “lockdown”, “fazer live” e “distanciamento social”, “take away”, entre outros. No Turismo e na Hotelaria não poderia ser diferente. Conceitos que já existiam se tornaram mais populares e outros novos se juntaram a eles. Também há algumas ideias que já são bem conhecidas de muita gente, mas cujas práticas se tornaram mais populares – e vários devem permanecer nos hotéis.

Veja algumas dessas palavras e expressões e seus significados:

  • Room Office – Quarto de hotel adaptado para trabalhar. Além de ser o lugar de dormir e relaxar, também se torna oficialmente o escritório do hóspede.
  • Worcation – É quando a pessoa tem que fazer uma viagem a trabalho e ela aproveita para também se divertir. Resorts estão entre os locais mais indicados para esse tipo de turismo.
  • Staycation – Tipo de turismo de lazer em que o viajante se desloca a pouca distância de sua própria cidade para passear e se hospedar. Pode ser feito até na própria cidade onde mora.
  • Buyout – É quando um único cliente reserva o hotel inteiro para um mesmo grupo de amigos, família ou mesmo para colegas da mesma empresa. Normalmente quando um hóspede faz um buyout o hotel prepara uma experiência super personalizada para ele e seu pessoal.
  • Extended Stay – Significa estada estendida e isso é realmente levado ao pé da letra. Algumas pessoas resolveram praticamente se mudar para destinos turísticos. Se parece muito alguém passar um mês hospedado em um resort, saiba que há hotel nas Maldivas que criou um pacote com nada menos de 365 dias de estadia! Muitos desses hóspedes tornaram esses ambientes o seu lugar de diversão e trabalho – voltando ao workation.
  • Revenge Travel – Seria a “viagem da desforra”. É o que muitos esperam poder fazer depois que tudo voltar ao normal: viajar tudo que não pôde no período de isolamento, passando muito tempo no destino escolhido (ou em vários) e aproveitando o máximo que puder, como um “pacote completo”. Com essa perspectiva muita gente se planejou com bastante antecedência para fazer a viagem planejada e se hospedar no lugar dos sonhos assim que se tornasse possível.
  • Web check-in e Web checkout – Não é um conceito novo, mas o hábito de fazer a confirmação de chegada ou saída dos hotéis será cada vez mais de forma online, seja por um site ou por app. Aliás, o uso de aplicativos também se torna cada vez mais comum para outras ações como verificar atividades diárias do lugar, horários de funcionamento de restaurantes do hotel ou mesmo solicitar serviços sem precisar se deslocar ou usar um telefone.
  • Diretrizes sanitárias – Sempre existiram, mas a maioria das pessoas realmente passou a ouvir mais esse termo nos últimos dois anos. São medidas e regras adotadas, por exemplo, por hotéis para garantir a segurança à saúde de seus hóspedes, funcionários e fornecedores. Nos hotéis da rede Pontes Hotéis & Resorts, por exemplo, é possível visualizar essas diretrizes nos sites dos hotéis.

Esses não são os únicos termos que se popularizaram nas áreas de Hotelaria e Turismo nos últimos tempos, mas são alguns dos mais utilizados por empresas desses segmentos. Certamente, com a volta das atividades desses setores de forma mais forte e o surgimento de novos modelos de viagens e hospedagens, novas expressões surgirão para enriquecer ainda mais o vocabulário do segmento.